[ editar artigo]

Protocolos de segurança e saúde garantem reabertura da Costa do Sauípe

Protocolos de segurança e saúde garantem reabertura da Costa do Sauípe

No dia 17 de julho, a Costa do Sauípe (BA) começou suas atividades turísticas de forma gradual. Com rígidos protocolos de segurança e de acordo com os melhores empreendimentos de turismo do mundo, os novos procedimentos foram validados pela equipe de imunologia do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (InCor), que reuniu uma equipe de médicos multidisciplinares para analisar todas as etapas da operação. 

Para o reinício das atividades, o resort reduziu sua capacidade de ocupação em mais de 50%  para garantir o bem-estar e a segurança dos hóspedes e funcionários.

Nesta primeira etapa de reabertura, o complexo hoteleiro, que possui 1,5 mil quartos, poderá ter apenas 60 hóspedes por final de semana.

Segundo o diretor de operações da Aviva, Flávio Monteiro, a volta das atividades turísticas, mesmo com o número reduzido de clientes, é uma forma de passar a mensagem de que o turismo brasileiro tem potencial e irá se reerguer.

Ainda de acordo com o diretor, os colaboradores são treinados e recebem os mesmos cuidados e atenção em sua segurança e saúde, como o uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), distanciamento em vestiários e regras rígidas de uso de transporte, nova operação dos refeitórios, questionários diários sobre sua saúde e de familiares, assim como aferições diárias de temperatura.

Protocolos de segurança destinados aos hóspedes

Para reduzir o contato com os funcionários, os hóspedes são orientados a realizar o check-in online. No momento da chegada, a aferição de temperatura será feita em todos os clientes. Além disso, o uso de máscara é obrigatório em todas as áreas comuns, exceto durante as refeições. 

Seguindo os protocolos de segurança e saúde, no translado entre os hotéis, os ônibus estão operando com a capacidade reduzida. Álcool em gel é disponibilizado em todas as áreas. 

Em 2019, o grupo Aviva implementou pulseiras com tecnologia de aproximação em substituição aos cartões de acesso, garantindo uma estadia mais segura para os hóspedes.

As áreas de lazer também estão sendo monitoradas para evitar aglomerações e ter a segurança sanitária assegurada, assim como algumas atividades e serviços, que devem ser agendados.

Os restaurantes também se adaptaram para o mínimo contato e o máximo de segurança, funcionando apenas com reservas. Além disso, cada família ou hóspede terá um espaço fixo para as refeições à la carte durante toda a estadia. 

O propósito e a estratégia da Aviva visa reposicionar o cronograma de atividades. Retomar a confiança do cliente, com todos os protocolos implementados, é a prioridade máxima do grupo. De forma confiante e responsável, um dos destinos mais procurados no Brasil está retomando gradualmente suas atividades turísticas. 

Agente de Valor
Ler conteúdo completo
Indicados para você