[ editar artigo]

Enrique Cueto deixará cargo de CEO do Grupo Latam em 2020

O Grupo Latam Airlines terá um novo CEO a partir de 31 de março de 2020. Enrique Cueto, que há 25 anos atua na liderança na companhia, deixará o posto. Seu substituto será Roberto Alvo Milosawlewitsch, atual vice-presidente comercial da holding baseada no Chile.

A nomeação ocorre após um processo de sucessão, iniciado no ano passado, que considerou candidatos externos e internos.

Leia também:
Latam Airlines suspende Mercado Latam em voos domésticos

Todavia, a decisão unânime do Conselho de Administração de nomear Roberto Alvo levou em consideração seus 18 anos de experiência na empresa. Além disso, ele ocupou diferentes cargos nas áreas de finanças, frota, planejamento.  Nos últimos anos, esteve à frente da área comercial.

Em comunicado, a Latam expressa que o anúncio se dá em um “contexto de solidez” em que “o grupo enfrenta exitosamente um grande período de cenários complexos mundiais e regionais”.

Latam sem Enrique Cueto

Além do que, o grupo afirma ter sido capaz de “realizar uma transformação poucas vezes vista na indústria aérea mundial”. A frase se refere à fusão da Lan com a Tam, concluída em 2015.

“Fazemos este anúncio em um contexto de solidez e estabilidade. Hoje, somos a empresa líder em conectividade da região com o mundo. Fazemos parte do grupo de companhias aéreas mais pontuais do mundo, com um serviço reconhecido por milhões de clientes que nos escolhem, além de termos melhorado de forma considerável a nossa situação financeira”, destaca Ignacio Cueto, presidente do conselho de administração do Grupo Latam Airlines.

A data de saída de Enrique Cueto permitirá, segundo a Latam, uma transição planejada. Contudo, os próximos passos de Cueto não foram anunciados pela companhia.

Em conclusão, o Grupo Latam afirma que as estratégias e os projetos não serão impactados com a troca de cadeiras.

 

 

Agente de Valor
Ler matéria completa
Indicados para você