[ editar artigo]

Embratur coloca em pauta aprovação de cassinos em resorts

A Embratur iniciou uma empreitada para acelerar a aprovação de cassinos no Brasil. Gilson Machado Neto, presidente do instituto, discutiu em visita em Las Vegas (EUA) a criação de um marco legal para autorizar a instalação desses empreendimentos de jogos de azar em resorts no país.

Do outro lado da mesa, Sheldon Adelson, presidente da Las Vegas Sands Corp, se mostrou um entusiasta da iniciativa. Sua companhia opera cassinos em hotéis nos Estados Unidos (The Venetian Las Vegas), Cingapura (Marina Bay Sands) e China (Sands Macao).

Para Adelson, a legalização de cassinos em resorts mudou os Estados Unidos, em especial Las Vegas. De acordo com ele, o aumento do turismo resultou na geração de empregos e, portanto, contribuiu para combater a violência.

“É preciso deixar claro que esse modelo de resorts com cassinos é extremamente seguro. Há controle para que não haja vício no jogo, principalmente de pessoas com baixo rendimento. Cingapura realizou essa abertura, controlada, há alguns anos e hoje colhe os bons frutos de sua decisão”, afirma.

Leia também:
Você sabia que é possível renovar seu visto para os EUA sem fazer entrevista?

No Brasil, a exploração de jogos de azar era permitida até 1946. À época, o país contava com cerca de 70 cassinos, entre eles o do Copacabana Palace Hotel. Nos últimos anos, porém, a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo tem participado de um embate em Brasília para a volta da atividade.

Cassinos no Brasil em pauta

De acordo com Machado Neto, o Congresso tem na mesa projetos para levar adiante a proposta de cassinos em resorts. Entretanto, sem a aprovação até o momento, ele mostra admiração pelo modelo de Cingapura.

“Há casos em Cingapura de 99% de taxa de ocupação. Las Vegas é um outro exemplo positivo de como, controlado, o modelo resorts e cassinos pode ser algo importante e merece ser debatido de maneira séria e transparente no Brasil”, ressaltou Gilson.

O presidente do Sands Group se mostrou favorável a fazer investimentos no Brasil. Ele, por fim, cita o modelo adotado na Ásia de implementação. Os valores poderiam chegar a US$ 15 bilhões. Além disso, os cassinos poderiam contar com centro de convenções e arenas.

 

Agente de Valor
Ler conteúdo completo
Indicados para você